sexta-feira, 22 de dezembro de 2017

VOCÊ SE MARAVILHA COM AS COISAS SIMPLES DA VIDA?

Um olhar superficial sobre as coisas do dia a dia poderia pensar que é apenas algo corriqueiro, tão simples, sem importância nenhuma. Existem coisas muito mais “importantes” do que isso.


Nunca devemos deixar de nos maravilharmos com as coisas simples da vida: uma chuva, o pôr do sol, a beleza da natureza, a ajuda de alguém, o despertar para um novo dia e tantas outras coisas podem nos falar do grandioso que somos, da grandeza da criação, da grandeza de Deus. Nós que às vezes deixamos de nos maravilhar porque estamos muito “ocupados”, muito distraídos em tantas preocupações. Estou tão “conectado”, tão “on-line”, que acabo me desconectando da realidade, que coisas tão simples do dia a dia passam desapercebidas.

Faça uma proposta para você na sua vida a partir de hoje: tente prestar mais atenção a essas coisas simples e veja se você não vai se maravilhar, se sua vida não será diferente!

Papa Francisco falou em sua visita ao Santuário Nacional de Aparecida, em São Paulo: “Deixar-se surpreender por Deus”. Cada uma dessas coisas simples da vida é uma ocasião em que Deus me surpreende, onde quer falar comigo e manifestar o seu grande amor por mim. Lembremos que Deus ama o simples. Ele escolheu um humilde presépio, a pobreza para encarnar-se. Não percamos jamais essa capacidade de assombrar-se com o simples.

Outra coisa que devemos lembrar é aquilo que Jesus constantemente nos pede: ser como crianças. Ser puro, simples, alegre, espontâneo, livre, ter atitudes que deixamos algumas vezes de lado por medo do que podem pensar, medo de não ser aceito, ou por ter cometido alguns erros e achar que “já era”. Olhar para as coisas simples da vida elimina todas essas ideias equivocadas que tenho a meu respeito e me lembra do que é o mais essencial, do que realmente importa para Deus: que eu seja autêntico.

Por último penso como deve ser a nossa fé: um constante maravilhar-se com o mistério. Não posso me contentar somente com aquilo que aprendi na catequese e na crisma, em ir apenas nas Missas nos domingos (quando vou). Minha fé deve crescer a cada dia. Cada momento é uma chance de eu ser mais amigo de Jesus. E essa fé se renova nas coisas simples da vida, em que Deus realmente me fala.

Fonte: A12 – Jovens de Maria
Post: Maria Adrieli

Postagens Relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...