domingo, 17 de dezembro de 2017

O PODER DA BÊNÇÃO DA FAMÍLIA

"Bença, Pai!", "Bença, Mãe!", "Bença, Família!"

Independente da forma que você fale, pedir a bênção aos pais é um hábito antigo e que vem se perdendo ao longo dos tempos. Mas, muito mais do que uma “mania”, a bênção familiar é um ensinamento bíblico e traz bem mais autoridade do que imaginamos.

bencao_do_pai

De acordo com o YouCat (pág. 104), "a bênção é o bem que vem de Deus, é uma atitude divina que despende e guarda a vida. Deus, que é Pai e criador de tudo, diz: ‘É bom que estejas aqui! É bom que existas’".

A Igreja ensina ainda que esse “bem” deve ser invocado por cada cristão diariamente. E uma das maneiras de fazer esse pedido, é por meio dos pais, por uma palavra de bênção ou por um sinal da cruz feito na testa do filho.

Mas se a bênção vem de Deus, como alguém pode ceder essa graça?

Na verdade, o que fazemos uns pelos outros é uma oração para que Deus derrame sua bênção. Oração esta que traz uma autoridade especial quando proferida por um pai, como vai dizer a bíblia: “a bênção paterna fortalece a casa de seus filhos” (Eclo 3,11). O YouCat também vai ensinar (parágrafo 184) que a prece: “O Senhor te abençoe!” é a mais curta fórmula de bênção e que invoca a bondade de Deus, a sua proximidade, a sua misericórdia para conosco.

Com toda essa riqueza divina tão perto de nós, não vale a pena perder tamanha graça por achar que “pedir a bênção” é tradição muito antiga para ser seguida por um jovem.

E se você nunca pediu a bênção para sua família, nunca é tarde para ser agraciado por Deus. Deixe sua família no lugar em que deve estar, no lugar de interceder por tua vida e ceder uma bênção especial com autoridade dada a eles por Deus.

Fonte: A12 - Jovens de Maria
Post: Maria Adrieli

Postagens Relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...