quarta-feira, 6 de abril de 2016

UFFS está entre as melhores Universidades do Brasil, segundo o MEC

O Ministério da Educação (MEC) publicou no final do ano de 2015 os Indicadores de Qualidade da Educação Superior de 2014, no qual são avaliadas as 2.042 instituições de Educação Superior e de cursos nas áreas de ciências exatas, humanas e biológicas.


Para entrar na categoria de excelência, uma instituição precisa chegar às faixas 4 ou 5 no Índice Geral de Cursos (IGC), que vai de 1 a 5. A UFFS atingiu a nota 4, figurando entre as 40 melhores universidades do País, superando centros de educação já tradicionais no cenário educacional brasileiro. Para o reitor, Jaime Giolo, a colocação demonstra o comprometimento que a UFFS tem com o desenvolvimento e a qualificação do ensino superior. "Estar entre as 40 melhores universidades do Brasil é motivo de comemoração por parte da UFFS, mas acima de tudo é ocasião para fortalecer o empenho em qualificar a educação brasileira. Trata-se de uma conquista coletiva e, por isso, ao reconhecer o trabalho da Comunidade Acadêmica e Regional, queremos conclamar a todos para continuar no mesmo diapasão que nos orientou ao longo desses primeiros anos", frisa Giolo.

O IGC é divulgado anualmente pelo Inep/MEC, imediatamente após a divulgação dos resultados do Enade. É a primeira vez que a UFFS participa dessa avaliação oficial do MEC. A Procuradora Educacional Institucional, Cecília Inês Duz de Andrade, explica que a UFFS entrou para essa metodologia, pois contou, neste ano, com estudantes concluintes e que participaram do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade). “O IGC é uma metodologia de análise construída com base em uma média ponderada das notas dos cursos de Graduação e Pós-Graduação de cada instituição e ainda considera a distribuição dos estudantes entre os diferentes níveis de ensino (Graduação ou Pós-Graduação Stricto Sensu)”, afirma.


Pascom Santos Anjos
Mauro Lucas Ferreira

Postagens Relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...