segunda-feira, 22 de julho de 2013

J.M.J./2013

Os jovens são o futuro, diz Papa durante voo rumo ao Rio

papa1
Durante o voo rumo ao Rio de Janeiro, nesta segunda-feira, 22, o Papa Francisco saudou os jornalistas que o acompanham, um a um, recordando que nesta sua primeira viagem internacional quer encontrar os jovens no concreto do tecido social em que vivem. Portanto, jovens não isolados da vida em que vivem, porque quando nós isolamos os jovens – disse o Papa – nós fazemos uma injustiça.
Os jovens pertencem à uma família, uma pátria, uma cultura, uma fé, tem uma pertença, não devemos isolá-los, eles verdadeiramente são o futuro de um povo. Mas não somente eles. Eles são o futuro porque tem a força, são jovens, irão adiante, mas também os idosos, são o futuro de um povo. Um povo que vai em frente com ambos: com os jovens e com os idosos.
Penso – prosseguiu – que nós cometemos uma injustiça com os idosos: eles jamais deixaram de dar , a sabedoria deles, a sabedoria da história, a sabedoria da pátria, a sabedoria da família, e disto nós precisamos. E por isso digo que eu vou encontrar os jovens, mas no tecido social, principalmente, com os idosos. É verdade que a crise mundial não faz coisas boas com os jovens. Li na semana passada o percentual dos jovens sem trabalho: pensem que corremos o risco de ter uma geração que não teve trabalho, e do trabalho vem a dignidade da pessoa. Os jovens, neste momento, estão em crise. Nós – disse o Papa – estamos habituados a esta cultura do descartável: com os idosos se faz isso demasiadamente. Mas também agora com tantos jovens sem trabalho, também a eles chega a cultura do descartável. Devemos acabar com este hábito de descartar! Não! Cultura da inclusão, cultura do encontro, fazer um esforça para levar todos à sociedade! É este um pouco o sentido – disse Papa Francisco – que eu quero dar a esta visita aos jovens.
Enfim, o Papa agradeceu aos jornalistas pedindo lhes de ajudá-lo nesta viagem pelo bem da sociedade e o bem dos jovens, o bem dos idosos. E brincando com jornalistas concluiu: permaneço como o profeta Daniel, um pouco triste, porque vi que os leões não eram tão ferozes! Muito obrigado, muito obrigado. Um abraço a todos! Obrigado!
Os jovens são o futuro, não criamos uma geração sem trabalho: assim o papa no voo rumo ao Rio.
Fonte: Canção Nova

Postagens Relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...